Featured Video Play Icon

Com tubarões-baleia nas Filipinas

Que tal mergulhar com tubarões-baleia nas Filipinas?

Apaixonada pelo mar, cresci fazendo esportes aquáticos. Quando fiz meus cursos de mergulho submarino comecei a “caçar” os grandes animais marinhos, em especial queria encontrar os tubarões-baleia e as raias-manta.

O tubarão-baleia é a maior espécie de peixe do mundo! Um adulto pode medir até 25 metros de comprimento e pesar mais de 30 toneladas, embora seja difícil encontrar uma espécie neste tamanho. Ao contrário dos outros tubarões, essa espécie não apresenta riscos a humanos, são criaturas dóceis e amigáveis. Sem dentes, elas se alimentam principalmente de krill, pequenos crustáceos do zooplâncton, espécies que servem também de alimento a baleias, jamantas, entre outros.

Filipinas

Já havia mergulhado na Tailândia atrás deles, entre as ilhas de Koh Phangan e Koh Tao, no golfo tailandês. Infelizmente não tive sorte, e a frustação só fez aumentar meu desejo! Quando soube que nas Filipinas tinha 99% de chance de sucesso, nem dormi! Mergulhar com os tubarões-baleia foi a minha primeira motivação para conhecer as Filipinas. Mal sabia eu o que estava por vir, definitivamente um dos lugares mais lindos que já conheci!

Existem dois pontos principais de mergulho com os tubarões-baleia nas Filipinas: Oslob, na ilha de Cebu, e Donsol, na ilha de Luzon. Deve haver, certamente, mais lugares pra mergulhar lá com as baleias, já que as Filipinas formam um arquipélago de mais de 7 mil ilhas, mas esses são os mais acessíveis.

Sumilon Island

Optei por Oslob, que fica na aldeia de Tan-Awan, no extremo sul da Ilha de Cebu, porque além da possibilidade de mergulhar com os sonhados tubarões-baleia, era também a oportunidade de conhecer suas cachoeiras e rios de cor turquesa. Num próximo post conto tudo sobre essas maravilhas conhecidas por Kawasan, Tumalog e Aguinid Falls.

Tumalog Falls
Tumalog Falls

Infelizmente depois da escolha, fui entender que talvez o mergulho em Donsol teria sido melhor, já que em Oslob esse encontro é um tanto turístico e controverso… É que a “grande chance” de encontrar os tubarões-baleia vem do fato dos pescadores locais alimentá-los todos os dias… 

Isso é ruim em parte, porque, ao alimentá-los, a temporada natural que os tubarões-baleia ficavam em Oslob foi alterada. Eram apenas 60 dias, mas agora eles ficam lá por muito mais tempo, em troca de vida fácil, ao invés de migrar para outras regiões, buscando sua própria alimentação.

Filipinas

Bem, mas pensando pelo lado positivo…  até 1998 os tubarões-baleia eram caçados pelos filipinos. Portanto podemos considerar relativamente bom que, agora ao invés de matá-los, os pescadores locais os alimentam! As Filipinas foram um dos primeiros países do mundo a proteger essa espécie, proibindo a captura, venda, transporte ou exportação de animais, sejam eles vivos ou mortos.

Vale ressaltar que os tubarões-baleia aproximam-se da costa todos os dias de manhã, e ficam por ali, comendo os plânctons que os pescadores jogam no mar, mesmo que rodeados de dezenas de turistas, sem qualquer rede ou barco limitando seus movimentos. Não é  um cativeiro! Eles se fartam e vão embora. Cada um no seu próprio curso, na hora que bem entendem.

O mergulho em Oslob, Filipinas

O ritual começa cedo. Antes das 6h da manhã 2 ou 3 barcos se posicionam e começam a alimentar os tubarões. E logo chegam os barcos com turistas, que vão e vêm, de 30 em 30 minutos, diariamente de 6h da manhã ao meio-dia.

Café da manhã filipino
Café da manhã filipino: manga com arroz doce! Yummy!

Além do snorkeling é também possível mergulhar com cilindro. Na dúvida, fiz os dois! Viu o video? Apesar de amar o mundo sub, achei o snorkeling mais legal, pois os tubarões ficam na superfície e você tem mais “interação”.

Tubaroes-baleia-filipinas-oslob- - 1 (5)

Importante chegar cedo, mesmo antes das 6:00 da manhã já tem muitas pessoas esperando… Igual a você, muita gente quer garantir essa oportunidade, já que não dá para reservar horário com os tubarões com antecedência, embora a probabilidade seja grande. Coisas da natureza!

Depois de pagar sua “entrada”, você será convidado a assistir o briefing explicando as regras da (não)-interação com os tubarões, ou seja, como não tocar, não se aproximar, entre outras regras que detalharei mais a frente.  

Depois do briefing, chega a hora de entrar na canoa filipina com mais 3 ou 4 pessoas. Tentei interagir com o barqueiro mas ele não me deu menor confiança, e se bobear ele te dá é um sermão! Eu levei o meu! É que eu saí nadando e sumi da vista dele… o cara ficou louco atrás de mim… kkkk Eu não estava nem aí, a 200 m da praia, dava pra voltar nadando tranquilo (aliás no mergulho sub você sai nadando da praia mesmo)! Eu queria é nadar, finalmente estava realizando meu sonho!

Os barcos ao fundo se posicionando para o ritual de alimentação das baleias
Os barcos ao fundo se posicionando para o ritual de alimentação das baleias

Fui a primeira a cair na água, e logo dei de cara com um enorme na minha frente! E olhei pro lado tinha outro! E depois outro, e mais outro… Não sei precisar exatamente o tamanho deles, mas acredito que tinham na média 10 metros e eram uns 8 tubarões no horário em que eu estive por lá.

A recomendação é de manter 4 metros de distância dos tubarões, mas isso é praticamente impossível! O próprio tubarão nada pro seu lado e é muita gente junta. Cuidei o tempo todo para respeitar as regras, mas tem muita gente que não tá nem aí, infelizmente. Esteja preparado para disputar um tubarão-baleia com mais 10 pessoas na água, todos tentando obter a melhor foto.

A visibilidade de água é incrível, acho que por volta dos 20m. A temperatura nem se fala, maravilhosa! Tive a sorte de encontrar uma tartaruga gigante no meu mergulho scuba. Tá no video!

Filipinas

A interação de 30 minutos com os tubarões-baleia custa PHP 1000,00 por pessoa. Quem não quiser cair na água, ficar no barco vendo, paga menos. Mas eu não perderia esse mergulho por nada no mundo!

Mesmo sendo rápido e turístico, saí dali com a sensação de sonho realizado! Adorei e recomendo!

Instagram

Como chegar

Cheguei em Cebu City, a cidade principal da ilha, no aeroporto de Mactan, com um voo vindo de Manila, a capital, através da cia aérea Cebu Pacific. Reserve tempo para os habituais atrasos desta cia aérea, porém como é uma “low cost” dê um desconto…

Uma outra boa opção, acho que mais rápida, é chegar pelo aeroporto de Dumaguete, na ilha de Negros Oriental, e dali rumar para o porto de Sumilan e porto de Lilo-An. Eu não fiz esse circuito, mas vale a penas estudar essa opção que parece ser mais rápida.

Também é possível chegar em Cebu, vindo da ilha de Bohol num ferry. Conto como é Bohol em breve para vcs!

De Cebu City eu precisava chegar em Oslob. Como tinha o tempo muito contado, e queria fazer muita coisa na ilha (além do mergulho, queria fazer o canyoneering em Alegria, e conhecer as 3 famosas cachoeiras), contratei a agência local Island Trek Tours que reservou todos os passeios pra mim e montou os translados em carro privado. Saiu mais caro, mas paguei pela comodidade e otimização da minha logística.

A opção “ir de ônibus” existia, mas levaria muito mais tempo. Se você estiver disposto e com tempo, da rodoviária de Cebu partem vários ônibus diariamente em direção ao sul da ilha. A viagem dura em torno de 4 horas, em trânsito caótico, ônibus abarrotado e sem ar condicionado, assim eu soube…

Onde ficar

Em Oslob escolhi ficar no Sebastian hotel, quartos simples mas com piscina e bar/restaurante de frente para o mar. Ah! e com wifi! hehe.. Olha o final de tarde que gostoso!

Filipinas

Para reservar seu hotel use a caixa do Booking.com na home do blog, você paga o mesmo valor e ajuda o blog a viajar mais!

Vista Hotel Sebastian
Vista do quarto Sebastian Hotel

Se você precisar pernoitar em Cebu City indico o Eloisa Royal Suites, um 2 estrelas arrumadinho e perto do aeroporto.

Quanto tempo ficar em Oslob

Meus planos me reteram 3 lindos dias em Oslob. No primeiro fiz o scuba diving com as “whale sharks” e a cachoeira de Tumalog Falls. No segundo fiz o snorkeling com eles logo cedo e passei o resto do dia em Sumilon Island (farei um post especifico para contar sobre essa ilha)!

Filipinas
Chegando em Sumilon Island

No terceiro fui para Alegria fazer o Canyoneering para chegar até Kawasan falls. Que dia!! Imperdível! Esse passeio vale um post especifico também! Aguardem!

Canyoneering Filipinas
Canyoneering até a Kawasan Falls

Turismo consciente

  • Por favor sigam corretamente o código de conduta na interação com o tubarão-baleia.
  • Mantenha-se afastado dos tubarões, não toque, não use câmeras com flash, não alimente os tubarões.
  • Não use filtro solar ou hidratantes.
  • Leve o mínimo de coisas possíveis, não esquecendo de dinheiro, chinelo para a praia de pedras e a câmera à prova d´água!
  • Os participantes que não cumprem as orientações do briefing são passíveis de multa.
  • Não fique com medo, aproveite! Não há relatos de acidente algum na região.

Se você está indo para as Filipinas, não deixe de ver os outros posts de El Nido e Boracay aqui no blog!
It’s more fun in the Philippines!! 

Viagens e Outras Historias

Você vai gostar de...

São Miguel dos Milagres | Aonde ficar Adoro pousadas pequenas onde encontro tranquilidade e privacidade. Em determinadas circunstâncias um grande resort é até bacana, mas nada como um aten...
Rota Ecológica | Litoral norte de Alagoas Entre o litoral sul de Pernambuco e o litoral norte de Alagoas está a linda Costa dos Corais. São mais de 120 km de praias e mangues formado por um pr...
Cayo Largo | O paraíso existe! Cayo Largo del Sur é um destino de beleza extraordinária! Uma ilha quase virgem, um verdadeiro paraíso natural, cheio de extensas praias de areias bra...
Zakynthos além da Navagio Beach É bem verdade que a Navagio Beach é a praia mais incrível, mas Zakynthos tem muito mais a oferecer! É difícil dizer, mas talvez, no conjunto, foi ness...

Deixe aqui seu comentário!

comentários

Escrito por Flávia Ribeiro