Paris Gourmet

Este post foi feito para quem gosta de cozinhar ou receber amigos em casa, sem dúvida, um dos meus maiores prazeres – depois de viajar! Durante uma conexão, entre uma viagem e outra, consegui ter 3 dias inteiros em Paris dedicados a gastronomia, que incluiu uma aula de culinária no L’atelier des Chefs, um delicioso tour gastronômico em Paris e um super almoço no restaurante do Joël Robuchon, um chef mais que estrelado.

Sempre que possível, unir os dois, juntando viagem com aulinhas de culinária local na Itália, em Bali , no Camboja e na Tailândia. Mas, até o ano passado, ainda me faltava a cereja do bolo – Paris!

Degustando o caviar na Prunier

 

Tour gastronômico em Paris

O tour gastronômico em Paris foi conduzido pela chef Karen Goldman, colaboradora do site Conexão Paris. Ressalto que, mesmo contando aqui sobre os lugares e histórias por onde passamos, fazer o tour é insubstituível! Aqui é apenas um tira-gosto… Além das explicações ao vivo, o tour proporciona uma série de degustações que sozinho você não terá a mesma oportunidade. Daqui desse link vocês acessam o Conexão Paris.

A minha lista abaixo também inclui alguns lugares que (re)visitei por conta própria e que são, na minha opinião, lugares que também merecem seu prestígio.

Fauchon

O ponto de encontro com os outros gourmands foi no boulangerie & patesserie da Fauchon, uma das mais conhecidas grifes francesas na Place de La Madeleine, local onde também estão concentradas outras boas casas e empórios da gastronomia em Paris. Aproveite para apreciar também a Place de la Madeleine, que é linda, com sua bela Église de la Madeleine, cercada por colunas em estilo neoclássico.

A primeira Fauchon, aberta em 1886, está até hoje no mesmo endereço. Seu fundador, Auguste Fauchon, talvez não contasse com tanto sucesso pois incialmente pretendia vender só produtos vindos da sua terra natal, a Normandia. A boa repercussão da casa foi tão grande que eles são, até hoje, referência em artigos finos para gastronomia em toda França.

Paris-best

São dois endereços na mesma place. O primeiro, onde foi o ponto de partida do tour, com grande variedade de queijos (onde tivemos nossa primeira degustação), sanduíches elaborados, saladinhas e até pratos sofisticados. A outra loja tem um lindo salão de chá, doces de encher os olhos, geléias, chocolates, marrons glacê, bombas, macarons e outras delícias. Ali você pode aproveitar e comprar ótimas lembranças para presentear os amigos com a mais pura tradição francesa, artigos de gastronomia! Além de doces… azeites, vinagres, terrines, foie gras, mostardas, vinhos e obviamente os champangnes. Eu amo os chás de lá e em breve vou escrever um post inteiro só falando sobre chás e suas histórias. Não percam!

Fauchon – Place de La Madeleine, 24, 26 e 30 – 75008 Paris

Sua maior concorrente, a Hediard, está bem perto, do outro lado da igreja de Madeleine com também grande quantidade de produtos de primeira linha.

 

Maison Maille

Dali fomos a Maison Maille, considerada a maior fabricante de mostarda e vinagre de toda a França. Super premiada, é desde 1760 fornecedora oficial da nobreza européia, e na historia forneceu para reis e imperadores de países como Hungria, Áustria, Rússia e obviamente da França.

Sabia que a mostarda é o terceiro condimento mais consumido do mundo, depois do sal e da pimenta? E isso já há muito tempo! Historiadores acreditam que desde a pré-história as sementes de mostarda são utilizadas na alimentação. Além de romanos, os gregos e egípcios também a utilizavam; não só na culinária, como também na medicina. Foram os romanos que a trouxeram para a Gália, na atual região da França, quando a mostarda era plantada por monges ao lado de seus vinhedos.

Boutique Maille em Paris

A popularidade da mostarda aconteceu quando o Papa João XXII nomeou seu sobrinho que morava em Dijon, capital da Borgonha, como “Grand Moutardier du Pape”. A nobreza começou a encomendar grandes quantidades de mostarda para suas festas e a cidade de Dijon consagrou-se como o maior centro produtor de mostarda de toda a França.

Visitando a Boutique Maille você vai encontrar sabores exclusivos como Mostarda de frutas vermelhas, damasco seco e curry, pétalas de violeta com brotos de rabanete e trufa com aipo.

 

Maison Prunier

Seguimos para a Maison Prunier que oferece os melhores produtos do mar como o caviar e o salmon balik com histórias interessantes do mundo da gastronomia que conto a seguir.

Caviar & Balik - Que dupla!

Bem, o caviar vem das ovas do esturjão, um peixe grande que em média chega a medir 3 metros, e pode viver até 100 anos de idade. É considerado pelos cientistas como “fósseis vivos” pois são da época dos dinossauros! Infelizmente hoje estão ameaçados de extinção por conta da pesca indiscriminada… Será que o homem vai acabar com tudo?! No passado, na Era de Catarina, a Grande, ovas de esturjão eram um alimento popular em função da abundância. Hoje em dia, com a escassez, deixou de ser comida de plebeus, para se transformar num item cobiçado da alta gastronomia, presente só nas mesas de ricos e poderosos. Todos esses lugares você conhece fazendo o tour gastronômico em Paris!

 

Paris-Prunier-Caviar

As três espécies mais famosas vivem no Mar Cáspio, ao sul da Rússia, e juntas fornecem cerca de 90% da produção mundial de caviar. São encontrados também no mar negro. Atualmente além de Rússia, Irã, França, Itália, Bulgária, Israel e Uruguai produzem caviar de excelente qualidade.

O mais incrível ao visitar a Maison Prunier foi poder aprender a degustar o Caviar corretamente. Você deve levar as bolinhas até o céu da boca e espremê-las com a língua, até que aquele microsuco libere nas papilas seu sabor inigualável. Só provando você vai saber do que estou falando. Melhor ainda quando imediatamente você tomar um gole de um bom champagne, bem gelado.

Ao degustar o caviar você avaliar por uma série de aspectos como consistência, tamanho, cor, odor, sabor, uniformidade, brilho e firmeza.

Salmon Balik

Encontramos na Maison Prunier também o prestigiado o Salmon Balik, considerado por muitos como o melhor salmão defumado no mundo. Dos fiordes noruegueses, o Balik é transportado para os Alpes Suíços e dos Alpes são processados 100% a mão durante 4 dias em fornos que remetem a época de sua receita original, que vem da Rússia Imperial.

 

Maison de la truffe

A próxima visita foi na Maison de la Truffe, também na Place de la Madeleine, onde encontramos toda tipo de trufas, esta iguaria que até o faraó Quéops servia em sua mesa real.  

Na Maison você vai encontrar tambem produtos como azeites, sais e mostardas trufadas. Por sorte, produtos mais acessíveis e que podem ser levados para o Brasil. 

Guardo ainda meu sonho de fazer uma caça às trufas pelo interior do Piemonte, norte da Itália, para encontrar estes diamantes da terra. São fungos que, quando estão no ponto começam a liberar seu maravilhoso aroma, e assim é farejado pelos cachorros caçadores. Daí em diante o trifulau tira este fruto da terra que podem estar até 1 metro pra baixo. São mais encontradas próximas às raízes de árvores como álamos, faias, zimbros, salgueiros e carvalhos e possuem um importante papel no ecossistema subterrâneo.

Apesar de toda evolução da biologia não se conseguiu até hoje reproduzir em quantidade e qualidade a trufa branca italiana em estufas. Um complexo estudo de seu genoma é realizado para entender as condições ideias de crescimento que já se sabe preferir hábitats mais quentes e mais secos. Desta forma é possível prever que algum beneficio vamos ter com o aquecimento da terra!

Vamos mudar de assunto que está me dando água na boca!

 

Grande Épicerie do Bon Marché

O nome “épiceries” era utilizado pelas pequenas lojas de especiarias antes dos grandes supermercados tomarem conta do mercado. Hoje em Paris encontramos prédios inteiros dedicados aos melhores produtos gourmets como a Grande Épicerie do Bon Marché e a Maison et Gourmet, das Galeries Lafayette.

A Grande Épicerie, do Bon Marché, fica num espaço enogastronômico de 3.500 metros com mais de 30 mil produtos à sua escolha. Nas prateleiras encontram-se itens do mundo todo, em alas dedicadas para cada tipo de produto. Posso apostar que você vai encontrar e sair comprando tudo! .

38 Rue de Sèvres, 75007 Paris, França

Paris-Geleias-macarrons

 

Nestes dias dedicados ao Tour gastronômico em Paris ainda pude fazer uma aulinha de culinária no L’atelier des Chefs. Mas, pasmem, essa desavisada só soube lá que a aula seria ministrada em francês! KKK Não entendi nada…. Poderia ser em inglês?? Claro que não! rs

Françês tem que fazer biquinho

 

A Gourmand Flávia

E pra completar ainda rolou um almoço degustação no restaurante do Joël Robuchon … As imagens dirão tudo por mim! Saboreiem!

Paris-Gaspacho-Joel-Robuchon Paris-Caviar-Joel-Robuchon

Foie Gras
Foie Gras

Paris-Sobremesa-Joel-Robuchon Paris-Joel-Robuchon-Top Paris-Atelier-Joel-Robuchon Paris-Joel-Robuchon-Kitchen Paris-Joel-Robuchon

 

Espero que tenham desfrutado destas dicas e do tour gastronômico em Paris! Em breve volto com mais novidades!

Bjs e até o próximo post!

 

Escrito por
Publicado em

Deixe aqui seu comentário!

5 comentários até agora!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *